CUIABÁ

MATO GROSSO

Governo de MT investe R$ 280 milhões e entrega 600 novos ônibus escolares

Publicados

MATO GROSSO

Na quinta-feira (19.05), o governador Mauro Mendes entregou dois ônibus para o município de Carlinda (756 km de Cuiabá), que vão atender 734 alunos.

Outros seis novos veículos foram entregues na semana passada aos municípios de Dom Aquino, Primavera do Leste, Gaúcha do Norte, Paranatinga, Poxoréu e Santo Antônio do Leste.

“O Governo de Mato Grosso investe em todas as áreas e regiões, sempre buscando oferecer melhores condições de vida para a população, e a educação sempre foi uma das prioridades desta gestão. Estes novos ônibus vão melhorar a qualidade do transporte escolar dos alunos, refletindo na melhoria do ensino-aprendizagem”, destacou o governador Mauro Mendes.

“Estamos muito agradecidos por esse olhar diferenciado do governador Mauro Mendes para o nosso município. Estes dois ônibus vão ajudar muito, para que possamos transportar os nossos alunos com muito mais segurança e cuidado”, declarou a prefeita de Carlinda, Carmem Leal.

Em 2021, o Governo de Mato Grosso, por meio da Secretaria de Estado de Educação (Seduc-MT), adquiriu outros 19 ônibus, com investimentos de R$ 5 milhões. Foram beneficiados os municípios de Alto Paraguai, com oito ônibus; Rondolândia e Nobres com dois veículos cada; além de Novo Santo Antônio, Poconé, Campinápolis, Jaciara, Água Boa, Tesouro e Peixoto de Azevedo, atendidos com um ônibus cada um.

Leia Também:  "Governo está construindo condições para que a educação de MT esteja entre as melhores do País", afirma governador

“A educação é uma das frentes, dentro do pacote que prevê recursos de R$ 700 milhões somente neste ano, para toda a estrutura da rede estadual de ensino. A entrega destes novos veículos ao município de Carlinda reflete a constante dedicação da equipe técnica na transformação da educação mato-grossense”, pontua o secretário de Estado de Educação, Alan Porto.

Conforme explica o secretário, a previsão é de entregar 150 ônibus ainda em maio. Em junho, serão mais 150, cumprindo 50% da meta. Para completar a frota de 600 veículos antes do fim do ano, o Governo do Estado definirá um novo calendário de entregas.

“Os investimentos na Educação, como um todo, visam garantir uma infraestrutura física e tecnológica adequada, além do avanço na área pedagógica para a recuperação da aprendizagem dos estudantes. A entrega destes veículos, hoje, é apenas uma pequena amostra dos investimentos que o transporte escolar vai receber”, concluiu Alan Porto.

Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

MATO GROSSO

Projeto da Sema Mato Grosso leva práticas agrícolas sustentáveis para famílias de nove comunidades

Publicados

em

O Assentamento Antônio Conselheiro, em Barra do Bugres (164 km de Cuiabá), recebeu, nesta quarta-feira (30/06), da Secretaria de Estado de Meio Ambiente, materiais para uso no plantio e colheita de itens da agricultura familiar. O Programa de Educação Ambiental na Agricultura Familiar (PEAAF) acontece em nove comunidades e assentamentos de Mato Grosso.

Os municípios atendidos são Peixoto de Azevedo, Tangará da Serra, Barra do Bugres, Poconé e Nossa Senhora do Livramento. São projetos comunitários implementados para a  implantação de hortas ecológicas comunitárias, viveiros e recuperação de nascentes.

“Este projeto possibilitou aos participantes o reconhecimento da importância da conservação ambiental, além de, principalmente, possibilitar a geração de renda com práticas sustentáveis”, explica a superintendente de Educação Ambiental da Sema-MT, Vânia Montalvão.

Marinalva Tavares de Souza, moradora do assentamento, trabalha na agricultura familiar diretamente  com o PEAAF, plantando horta e produzindo leite. Ela destaca o material recebido – utensílios para uso na plantação, como enxadas, pás e carrinho de pneu – que lhe permite produzir mais e melhor.  

Leia Também:  "Governo está construindo condições para que a educação de MT esteja entre as melhores do País", afirma governador

“O projeto, para mim, é muito viável. Desde o início, na formação, já deu para aprender muita coisa. Valorizo muito o trabalho feito aqui, muito importante para nós”, diz.

 
 

Na comunidade de Faval, em Nossa Senhora do Livramento, o projeto possibilitou a educação ambiental por meio de horta comunitária, produção de mudas de árvores nativas e frutíferas do cerrado, para reflorestar as nascentes.

“Hoje, posso falar que sou uma agente de educação ambiental. Aprendi a preservar e, por isso, a conscientizar a população sobre o valor de manter o meio ambiente equilibrado”, afirma Cícera Aparecida da Silva Seni, 35 anos, professora. 

Emprego e renda – O PEAAF também incentiva o extrativismo sustentável de castanha cumaru na Comunidade Quilombola de Capão Verde, em Poconé. Natan José Campos de Oliveira, 22 anos, mora na comunidade, composta por 28 famílias. Eles trabalham com produtos, que não só têm grande aceitação no mercado como contribui para a preservação do bioma Pantanal.

“Este projeto vem para ajudar o nosso trabalho, que, sem recursos, fica muito difícil. Com ele, vai melhorar a renda. Recebemos materiais que ajudam, e muito, no processo de coleta e no processamento da castanha do cumaru”, avalia Natan.

Leia Também:  Governo aumenta limite de subsídios do Programa Casa Verde e Amarela

Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CUIABÁ

VÁRZEA GRANDE

MATO GROSSO

POLÍCIA

MAIS LIDAS DA SEMANA