CUIABÁ

ECONOMIA

Dólar fecha em R$ 5,0578, registrando forte queda nesta sexta-feira

Publicados

ECONOMIA

O dólar fechou em forte queda nesta sexta-feira (13). O dólar à vista caiu 1,65% nesta sexta-feira (13), fechando a R$ 5,0578, após variar entre R$ 5,1503 (+0,15%) e R$ 5,0462 (-1,87%). O patamar de fechamento é o menor desde o dia 5 ( R$ 5,0166).

Na semana, o dólar caiu 0,31%, registrando uma alta de 1,36% até quinta-feira. Em maio, reduziu os ganhos para 2,31% e ainda recuou 9,25% no acumulado do ano.

O declínio da moeda norte-americana foi influenciado pelos riscos de aperto mais forte da política monetária dos EUA e dos efeitos sobre cadeias de produção decorrentes de novos fechamentos de negócios na segunda maior economia do mundo para conter surtos de coronavírus.

Bolsa

A B3, principal índice da bolsa de valores brasileira, teve alta nesta sexta-feira e voltou a registrar ganho semanal após cerca de um mês e meio. Suzano e Petrobras foram as principais altas do dia. O Ibovespa subiu 1,17%, fechando a 106.924,18 pontos, na terceira alta seguida. Com isso, o índice fecha a semana com ganho de 1,7%, após cinco baixas semanais. O volume financeiro da sessão foi de R$ 27,1 bilhões.

Leia Também:  Netflix é processada por esconder queda em assinantes de investidores

Ontem (12), o presidente do Federal Reserve (Fed, o banco central norte-americano), Jerome Powell, reiterou a intenção do Fed em subir o juro em 0,5 ponto percentual nas próximas reuniões, diminuindo temores de um movimento de alta mais agressivo.

*Com informações da Reuters

Edição: Fábio Massalli

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

ECONOMIA

Dólar não tem força e cai 3,6% na semana

Publicados

em

source
Dólar não tem força e cai 3,6% na semana
Ivonete Dainese

Dólar não tem força e cai 3,6% na semana

O dólar operou em forte volatilidade na semana e acabou fechando com desvalorização de 3,62%. O comportamento da divisa sobre o real veio com o apetite do investidor para o risco, bem como pelo Banco Central do Brasil – BCB fazendo a rolagem em leilões de swap.

Do lado externo, o índice DXY permanece acima dos 100 pontos. A cautela dos investidores prevalece com a pressão monetária ensaiada pelo Federal Reserve.

Ao final, o dólar fechou em queda de 0,87% aos R$4,874 para a venda. O turismo caiu 0,80% aos R$5,057 para a venda.

O euro ficou em queda de 1,19% aos R$5,145 para a venda. A libra caiu 0,55% aos R$6,089 para a venda. O peso argentino ficou em queda 0,99% aos R$0,041 para a venda.

Cenário Externo

Na bolsa de Nova York, o índice DXY, que compara o movimento das seis moedas mais importantes ante o dólar americano, subiu 0,32% aos 103.05 pontos.

O euro caiu 0,18% a US$ 1.0562 e a libra ficou em alta de 0,17% a US$1.2492.

Leia Também:  IRPF 2022: veja as principais dúvidas a um mês para o fim do prazo

O ouro ficou em alta de 0,15% a US$ 1.843,90 a onça.

O Bitcoin caiu 2,99% aos US$29.197,52.

Se você gostou deste conteúdo e quer continuar por dentro do mundo dos investimentos, não se esqueça de clicar aqui

Entre no nosso grupo de trader

O post Dólar não tem força e cai 3,6% na semana apareceu primeiro em 1 Bilhão Educação Financeira .

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CUIABÁ

VÁRZEA GRANDE

MATO GROSSO

POLÍCIA

MAIS LIDAS DA SEMANA