CUIABÁ

CUIABÁ

Primeiro Workshop marca celebração de um ano do programa inédito Incluiabá

Publicados

CUIABÁ

Iniciativa inédita no país, o programa Incluiabá criado pela Gestão Emanuel Pinheiro realizou, nesta sexta-feira (13), no auditório da Águas Cuiabá, o 1º Workshop do projeto  Incluiabá, que já completou um ano, no mês de abril desse ano. Diversas personalidades públicas estiveram presentes na abertura do evento. Inicialmente a Prefeitura de Cuiabá contratou 16 pessoas, todavia, esse número já ultrapassa mais de 50, uma ampliação de mais de 200%. Os servidores encontram-se lotados em diferentes setores da administração atual, gerenciados pela empresa terceirizada, Bem-Estar, priorizando indígenas, cadeirantes, transexuais, negros, dentre outros.  

O encontro englobou palestras motivacionais, rodas de conversa, trabalhos em grupos e trocas de experiências, destinados ao seu público alvo, grupos sociais minoritários. 

O vice-prefeito, José Roberto Stopa, afirmou que a ação reforça o compromisso da Gestão Emanuel Pinheiro com a implantação de políticas públicas efetivas, pautadas pelo respeito, justiça e inclusão social perante a sociedade cuiabana. “Hoje nós temos pessoas que poderiam estar desempregadas, marginalizadas, excluídas, pois, infelizmente, o preconceito ainda se faz presente. A função de um governo é fazer obras sim, mas a maior delas é cuidar das pessoas, valorizando-as, atendendo aqueles que mais precisam. O prefeito Emanuel Pinheiro coloca muito bem em suas falas, evidenciando que nós governamos para todos, porém, temos um carinho especial pela periferia de Cuiabá, porque é lá que está a real necessidade do governo em colocar as suas mãos. Já imaginou se todos os governantes fizessem isso? Teríamos com toda certeza uma sociedade mais justa e inclusiva, dando dignidade e oportunidade aos cidadãos, de modo geral,  de alimentar as suas famílias”, enfatizou. 

Leia Também:  Arquipélago de Marajó terá programa piloto de saneamento nas escolas

O secretário de Governo, Luís Cláudio Sodré, pontuou que os planos para este ano é redobrar os índices, alcançando o feito de 100 pessoas efetivadas. “É um programa que começamos como um exemplo para sociedade e quanto piloto para o Brasil, aqueles que não tiveram a oportunidade de ter suas carteiras de trabalho assinadas e poder dizer que são servidores, demonstrando que aqui nós acolhemos, dizer um basta a essas políticas maldosas com o ser humano, de nada vale se não atender as pessoas com humanização e cuidado, abrindo ainda mais vagas “, reiterou. 

Uma das coordenadoras dos Incuiabá, a secretária-adjunta de Assistência Social, Direitos Humanos e Pessoa Com Deficiência, Christiany Fonseca, enalteceu a dedicação de sua equipe de trabalho na execução das atividades e agradeceu a primeira-dama, Márcia Pinheiro por abraçar mais esta causa enobrecedora.

“Obrigada a todos vocês que nos ajudam a fazer e colocar em prática o projeto, bem como a nossa madrinha, a nossa primeira-dama, Márcia Pinheiro. A Prefeitura de Cuiabá não tem medido esforços para combater as formas de discriminação e preconceitos, fazendo disso, um de seus principais pilares. A luta por uma sociedade mais justa e implementar persiste, dando acesso a  oportunidades e direitos para todos e todas, aberto, especialmente aqueles que enfrentam dificuldades de acesso aos mercado de trabalho, recebendo o devido tratamento como qualquer outro servidor. Já foram contratados homens e mulheres transexuais, travestis, imigrantes, quilombolas, vítimas de pessoas com violência doméstica, cadeirantes e muitos outros grupos sociais”, disse. 

Leia Também:  Placas preferenciais de atendimento do Hospital Municipal São Benedito começam a incluir símbolo do autismo

A servidora Maria Auxiliadora, de 62 anos, comentou que se sente feliz e emocionada com mais chance de poder servir a comunidade, levando junto para casa, o sustento de cada dia. “É uma honra para mim participar de um projeto como este com carteira assinada, agradeço a todos que nos ajudam diariamente, vocês fazem a diferença para nós”, completou. 

Estiveram presentes, o secretário-adjunto de Governo, Wilton Coelho, o secretário interino de Obras Públicas, Rauf Macedo e o vereador Luiz Fernando Amorim. Ao final, o evento contou com o sorteio de brindes aos envolvidos. 

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

CUIABÁ

Secretaria de Obras abre licitação para contratação de empresa de engenharia para execução de obra de drenagem no Itapajé

Publicados

em

A Secretaria de Obras Públicas, abriu, na quinta-feira (19), o processo licitatório para contratação de empresa de engenharia que tem como finalidade a construção da rede de drenagem de águas pluviais de quatro vias no bairro Itapajé, na Capital, sendo elas, Rua Tapiré, Tirena, Umutina e Cinta Larga. A tomada de preço nº 009/2022 foi publicada no diário da Gazeta Municipal. 

O secretário interino, Rauf Macedo destacou que a edificação tem como finalidade garantir a melhor operacionalização do sistema aquático. Além disso, frisou que um projeto de pavimentação para a localidade já foi elaborado pela Pasta e dispõe de toda infraestrutura adequada. 

“Vamos contemplar todas as vias com drenagem, pavimentação, meio-fio e calçada. Firmamos um contrato de concessão com Águas Cuiabá para que a comunidade seja beneficiada também com a coleta de esgoto. Estamos avançando conforme a liberação dos recursos. A expectativa é que ao longo do ano as obras de asfalto sejam iniciadas”, declarou. 

O certame é realizado em parceria com a Secretaria Adjunta Especial de Licitações e Contratos (SAELC) e a Secretaria Municipal de Gestão (SMG). O prazo para o credenciamento das instituições interessadas vai até o próximo dia 06 de junho, às 9h e pode ser feito através do endereço eletrônico:http://licitacao.cuiaba.mt.gov.br/licitacao/ e, em seguida, clicar na data designada. Maiores informações podem ser obtidas pelo telefone: (65) 3645-6241. O horário de atendimento é das 8h às 12h e das 14h às 18h. 

Leia Também:  Brasil ultrapassa marca de 340 milhões de doses de vacinas Covid-19 aplicadas

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CUIABÁ

VÁRZEA GRANDE

MATO GROSSO

POLÍCIA

MAIS LIDAS DA SEMANA