CUIABÁ

CARROS E MOTOS

Veja vídeo do VW Brasília equipado com  compressor e 150 cavalos

Publicados

CARROS E MOTOS

source


VW Brasilia também recebeu rodas de Porsche, sistema de escapamento especial e luz de neblina
Renato Bellote

VW Brasilia também recebeu rodas de Porsche, sistema de escapamento especial e luz de neblina

No começo da década de 70, a Volkswagen do Brasil recebeu carta branca para produzir e desenvolver modelos voltados para o mercado nacional. Essa, sem dúvida nenhuma, foi uma grande conquista para toda a equipe de engenheiros e projetistas que já trabalhavam adaptando projetos para o nosso mercado.

Nessa esteira surgiram alguns modelos bem interessantes. Um deles foi o SP2 , que também tem um uma versão chamada SP1 , com motor um pouco menos potente, e se tornou um dos clássicos nacionais mais valorizados no exterior com o decorrer dos anos. Vale lembrar também do Karmann-Ghia TC , que teve como inspiração o Porsche 911 e fez bastante sucesso no mercado.

Porém falando em números totais de produção e também proposta para um público mais abrangente não há como se esquecer do Brasília. Esse modelo foi desenhado, testado e completamente desenvolvido no Brasil. Trazia um design bem acertado para época bem como soluções que se encaixaram perfeitamente com o seu público-alvo.

Leia Também:  Vídeo: cão "rouba" salame em padaria de Santa Catarina

De qualquer forma hoje falaremos de preparação . No decorrer dos anos muitos consumidores utilizaram receitas variadas sejam elas aspiradas ou turbo-alimentadas. Esse motor sempre teve uma característica de ser bastante versátil quando a proposta  era extrair um pouco mais de potência.

Dessa forma o carro recebeu um supercharger M45, modelo que já foi utilizado pela Mercedes-Benz em seus modelos Kompressor, além de rodas de 17 polegadas. O ajuste foi feito com uma injeção eletrônica programável e os números do dinamômetro são bem interessantes: 150 cv e 26 kgfm de torque. Nada mau.

Pisando fundo o sistema emite um ruído da correia bastante característico. Se os apaixonados por turbina apreciam, em sua maior parte, o som do espirro da válvula de prioridade, nesse caso o som estridente do sistema em funcionamento acaba sendo música para os ouvidos. É algo muito próprio e que vemos e modelos de série como o Mustang Shelby GT500.

O VW Brasília realmente fez história no mercado brasileiro e segue em projetos especiais como esse. O que mais gostei foi a ideia de potência bem ajustada às características do carro. Nada exagerado e proporcionando momentos de diversão nos passeios de fim de semana.

Leia Também:  Vídeo: Ucrânia diz que russos fizeram trincheiras em área radioativa
Fonte: IG CARROS

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

CARROS E MOTOS

Kombi alemã: VW Caravelle de Stephen Hawking vai a leilão

Publicados

em


A VW Caravelle das fotos pertenceu e está sendo oferecida à venda através da casa de leilões Silverstone Auctions
Reprodução

A VW Caravelle das fotos pertenceu e está sendo oferecida à venda através da casa de leilões Silverstone Auctions

A casa de leilões inglesa Silverstone Auctions anunciou que vai leiloar , o Volkswagen Caravelle GL 112 de 1988 que pertenceu ninguém mais, ninguém menos que o professor Stephen Hawking, considerado um dos mais renomados cientistas do século.

Hawking nasceu em uma família de médicos, ele recebeu um bacharelado em física no University College em Oxford. Pouco tempo depois, ele se formou no Trinity Hall em Cambridge, onde fez doutorado em matemática aplicada e física teórica.

Em 1963, o físico teórico foi diagnosticado com uma forma de doença do neurônio motora, que gradualmente espalhou por todo o corpo de Stephen e, apesar das limitações, ele continuou em seu trabalho tornando-se um autor de best-sellers.

Leia Também:  Detran-SP dá passo a passo  para registrar blindagem do veículo

Comprado zero-quilômetro por Hawking em junho de 1988, o Caravelle das fotos foi usado em seu casamento em 1995 e com a condição de Hawking se deteriorando, em 1999, o veículo foi passado para os parentes do professor em 1999.

O irmão de Hawking cuidou e guardou a van em um estacionamento subterrâneo. Repintada há alguns anos, este veículo pode ser considerado um elemento significativo da vida posterior de Stephen Hawking , herdado em 2003 pelo sobrinho do estudioso.

O Caravelle está sendo oferecido pela  Silverstone Auctions  sem lances de reserva, e certamente desencadeará uma guerra entre os participantes não só pela brilhante carreira de um físico teórico e cosmólogo britânico, reconhecido internacionalmente por sua contribuição à ciência, mas também pelo veículo em si.

Leia Também:  Anfavea nomeia Márcio de Lima Leite como seu novo presidente

O Volkswagen Caravelle GL 112 de 1988 é equipado originalmente com motor boxer de 2,1 litros de 113 cv acoplado a uma caixa de câmbio automático, de três marchas. Usado como transporte pessoal de Hawking por uma década, o carro conta com apenas 90.000 milhas, o que dá 144.840 km.

No Brasil, o modelo teve uma passagem curta através de suas variantes Eurovan , uma versão mais simples e a Caravelle , a mais luxuosa e as importações começaram em 1998 como uma opção mais cara a nossa boa e “Velha Senhora”, a Kombi . O fim da importação ocorreu em 2001 e a versão brasileira continuou reinando sozinha no segmento de vans.

Fonte: IG CARROS

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CUIABÁ

VÁRZEA GRANDE

MATO GROSSO

POLÍCIA

MAIS LIDAS DA SEMANA